CONSUMIDORES TÊM PARCELADO MAIS PARA CONSUMIR E PAGAR DÍVIDAS

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Mesmo com a economia mais apertada o brasileiro não quer deixar de consumir. Para isso, os consumidores brasileiros estão parcelando mais e ampliando o uso do financiamento para continuar consumindo e para pagar dívidas. É o que mostra a pesquisa Perfil Econômico do Consumidor (PEC) da Fecomércio RJ relativa ao mês de novembro de 2015. No período, o percentual dos brasileiros pagando algum tipo de financiamento ficou em 44%, crescimento de 6 pontos percentuais em relação ao mesmo mês do ano anterior e o maior nível para um mês de novembro, desde 2011.

Entre os brasileiros com algum tipo de parcelamento, 21% estão pagando dívidas, percentual que representa a maior alta em relação ao mesmo período do ano anterior (9%). Já a opção pela compra de artigos de vestuário vem se mantendo relativamente estável e é o motivo do parcelamento de 25% dos brasileiros com alguma prestação.

O cartão de crédito é o tipo de parcelamento utilizado por 49%, seguido do carnê, opção de 45% dos brasileiros com algum financiamento. Apesar do aumento no parcelamento, o percentual de consumidores com prestação atrasada manteve-se praticamente estável, situando-se em 15% em novembro de 2015, contra 16% no mesmo período do ano anterior.

O orçamento das famílias permanece relativamente equilibrado. Em cerca de 53% delas, os ganhos cobriram as despesas necessárias, sem sobras. Para 19% das famílias, o orçamento não seria suficiente para cumprir os compromissos e para 28% haveria sobras. No entanto, o destino desse dinheiro extra revela preocupação com o futuro: 68% pretendem guardar o excedente para uma eventualidade ou gasto futuro.

Fonte: Televendas e Cobranças