Evite perdas financeiras com dicas de gestão

Como evitar perdas financeiras
Gestores empresariais podem adotar algumas estratégias para evitar prejuízos e melhorar a saúde financeira da empresa. Saiba quais são essas medidas.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Gerir um negócio é, de fato, um desafio para quem empreende. É preciso tomar decisões de forma estratégica, manter a equipe motivada, fazer controles financeiros, monitorar os números e muitas outras tarefas burocráticas que tomam o tempo e o sono do gestor, em alguns casos. Para evitar as perdas financeiras, por exemplo, o empreendedor precisa conhecer a fundo as nuances do seu negócio, pensar e agir de forma inteligente para diminuir o impacto das perdas no orçamento, que podem ser cruciais para levar a empresa para o fundo do poço. 

A seguir, vamos saber o que são essas perdas financeiras, por que elas acontecem e o que fazer para evitá-las.

Dica: 4 tendências no mercado de crédito

O que são perdas financeiras? 

Podemos definir perdas financeiras como prejuízos enfrentados pela empresa ao longo do tempo em decorrência de fatores diversos. Em outras palavras, é a perda significativa de dinheiro devido a problemas de gestão, desorganização ou falta de planejamento dentro da própria instituição.

Um comércio pode apresentar uma perda financeira quando um produto sofre avaria que inviabiliza sua comercialização ou quando a instituição não conhece a origem e o destino do dinheiro por falta de um fluxo de caixa organizado. 

Essas perdas, por menores que sejam, são bastante prejudiciais para a instituição porque interferem no orçamento, refletem a falta de domínio e conhecimento do gestor e podem ser o passo inicial para levar um comércio à falência.

Será que a sua empresa está sofrendo perdas financeiras? Bom, alguns sinais servem de alerta. Veja quais são:

  • Você não faz controle sobre as receitas e despesas da empresa;
  • Faturas e boletos são pagos frequentemente com atraso;
  • Baixa rotatividade do estoque;
  • Queda nas vendas;
  • Produtos com avarias que se tornam inutilizáveis;
  • Orçamento com despesas muito altas;
  • Você não faz ideia para onde está indo o dinheiro da empresa.

Principais motivos de perdas financeiras 

O que pode causar as perdas financeiras? Existem inúmeros fatores que implicam em prejuízos no orçamento. Porém, vamos citar e falar um pouco mais sobre as três razões mais comuns. Vamos conferir?

Margem de lucro negativa 

A margem de lucro negativa acontece quando o total de vendas realizadas não é suficiente para cobrir todos os custos envolvidos na fabricação dos produtos. 

Imagine que a sua empresa produziu um total de 100 itens, cada um com um custo de R$ 20,00 e preço de venda de R$ 30,00. Entretanto, o número de itens vendidos não passou de 50. 

Ou seja, a empresa teve um custo de R$ 2.000,00 para produzir as peças, mas teve retorno de apenas R$ 1.500,00. Além de não ter obtido lucro algum, ainda houve prejuízo, o que é muito perigoso especialmente para negócios em estágio inicial.

Despesas operacionais elevadas 

As despesas operacionais são necessárias para o funcionamento básico da empresa, como aluguel, contas fixas, pagamento de funcionários, dentre outras. Quanto mais elevadas elas forem, maiores serão os riscos de perdas financeiras.

Isso acontece porque essas despesas também atrapalham a margem de lucro positiva. Ou seja, é possível que a empresa não consiga cobrir todos os custos com o faturamento alcançado com a venda dos produtos, ficando no prejuízo.

Falta de planejamento 

A falta de planejamento é muito comum em negócios que estão começando, mas também é facilmente percebida em empresas mais antigas. Não planejar é trabalhar no escuro, sem direcionamento, sem um objetivo coerente e, obviamente, sem estratégias para alcançar o que se deseja.

Como evitar perdas financeiras? 

Felizmente, é possível evitar que as perdas financeiras aconteçam no seu negócio pondo em prática dicas simples, mas eficazes e que exigem bastante compromisso. Veja a seguir:

Reconhecer as falhas operacionais 

Investigue, conheça e gerencie todas as falhas operacionais que estão acontecendo no seu negócio. Identifique qual é o gargalo que está atrapalhando o lucro da empresa e pense em maneiras de eliminá-lo. 

Aqui você pode repensar os preços dos produtos, ajustar a quantidade de funcionários, estudar o valor do aluguel cobrado, analisar a cobrança de impostos e pensar em maneiras de reduzir as despesas.

Calcular o valor do risco financeiro 

Depois de identificar as despesas operacionais, é importante mensurar o valor total desse custo ao longo de um ano, por exemplo. 

O levantamento possibilita ter uma real ideia de todo o dinheiro que está se esvaindo, pensar em estratégias para barrar esse descontrole, além de planejar maneiras de utilizar esse valor em benefício da empresa e colaboradores, o que seria um grande estímulo para toda a equipe.

O valor, que não será mais perdido, poderá ser investido em melhorias na empresa, em capacitações e demais mudanças positivas para o negócio.

Estabelecer pontos de controle 

Os pontos de controle são os que mais precisam ser monitorados e devem ser criados levando em conta o risco que oferecem à empresa caso estejam em desequilíbrio. 

Escolha um setor específico, defina um ponto de controle a ser observado, estabeleça métricas de monitoramento e estude-o durante determinado período, identificando a quantidade de dinheiro perdido. Depois, será muito mais fácil tomar decisões para estabilizar as falhas, caso necessário.

Dica: Como funciona o Clube de Vantagens do Cartão WayCard?

Separar os custos por setor 

É fato que os setores de uma empresa dependem um do outro, mas isso não significa que tenham despesas iguais. Por isso, é importante que cada departamento tenha um orçamento individual e faça a sua própria gestão de custos, prestando contas no final de cada mês.

Desenvolver ações de correção 

Após identificar o que está causando as perdas financeiras, elabore um plano de ação para corrigir os problemas o quanto antes, além de pensar em maneiras de atenuar os danos e garantir a estabilidade da empresa.

Pode ser que a empresa precise melhorar os processos, investir em recursos tecnológicos, delegar atividades conforme a competência de cada colaborador ou criar um plano de contenção de despesas. O importante é pensar em um meio de evitar a perda de dinheiro.

Criar um setor de prevenção 

Direcionar uma equipe para lidar especificamente com a prevenção de perdas financeiras é uma estratégia de gestão que dá muito certo porque, com conhecimento especializado e dedicação exclusiva, é mais fácil controlar os gargalos financeiros e evitar que os prejuízos permaneçam e atrapalhem o crescimento da empresa.

O setor de prevenção é responsável pelo monitoramento das tarefas, implantação e análise dos indicadores de controle, apresentação de relatórios e aplicação dos planos de ação para conter os desperdícios.

Não sabe mais o que fazer para evitar as perdas financeiras no seu negócio? Coloque em prática as dicas listadas acima. Com certeza, elas farão a diferença na forma com que você administra a sua empresa e proporcionarão excelentes resultados.

Conquiste novos clientes com a WayUp

Conte com a WayUp para construir uma relação saudável com o seu cliente, atraindo-o e fidelizando-o com os serviços digitais voltados especialmente para o varejo. 

Um dos produtos da WayUp é o cartão de crédito próprio da loja – o WayCard. Ele facilita as compras dos seus clientes e ajuda o lojista a desenvolver uma política de crédito e ações de marketing mais assertivas para seu público, além de gestão online do cartão. Confira outras vantagens:

  • Análise de crédito com machine learning;
  • Isenção de taxas sobre as vendas;
  • Melhora do relacionamento com os clientes;
  • Aumento do poder de compra. 

Os benefícios ajudam no desenvolvimento de um negócio mais sustentável e competitivo. Conheça o WayCard.